Home

Lula e Christina Kirchner

Daniel Ortega, o guerrilheiro que derrubou o ditador Somoza, 40 anos depois reproduz o que aconteceu no passado; está esmagando o povo da Nicarágua, imponto um regime de repressão que já eliminou mais de 365 pessoas, afora o número de presos, sequestrados e  desaparecidos.

Agora foi a vez de uma estudante de medicina brasileira, Raynéia Gabrielle Lima, fuzilada brutalmente pelas forças paramilitares do regime.

O curioso é o silêncio da esquerda e do lulopetismo, que aponta a Nicarágua e a Venezuela como vítimas das forças imperialistas, e até agora sequer emitiu qualquer pronunciamento.

O Foro de São Paulo, recentemente acontecido em Cuba, fez a defesa veemente de Daniel Ortega, atribuindo a matança contra a população resultado da ameaça de golpe da direita do país.

Sempre o mesmo discurso, sempre a mesma ladainha.

O Governo brasileiro pelo menos acaba de retirar nossa embaixadora da Nicarágua, e está exigindo esclarecimento de Lorena Martinez, embaixadora do país aqui entre nós.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s