Home

socrates-2
É telefonar pra L, trocarmos ironias mútuas, com o diabo de uma filha sempre pegando no meu pé.

Ouvir as histórias de R, onde não demora terminamos brigando alegre e docemente. Nem sempre.

Não casar, conforme me ensinou um sábio em cujas ocorrências policiais termina, muitas vezes, na condição de juiz.

Felicidade é recorrer ao tabaco de rolo para clarear os dentes.

Nunca, jamais, assistir ao show de fim de ano de RC.

Sócrates, que ninguém que curte Anitta quer saber, consultado por um de seus discípulos se deveria casar;

– Case, nada contra. Mas não se esqueça de se arrepender.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s