Home

Marconi Perillo

Mesmo depois das rebeliões em penitenciárias de Goiás, que produziram 9 mortos e mais de uma dezena de feridos, o governador Marconi Perillo (PSDB) não recusou renunciar, com a família e auxiliares, às delícias de uma praia de nosso deslumbrante litoral.

Chegou a abordar a crise carcerária em seu estado, mas teve o cuidado de fazê-lo através de um vídeo com um fundo “fake” sobre a tragédia.

Permaneceu recolhido, na paz dos bons, ninguém é de ferro, durante a primeira explosão, o que não impediu que acontecessem até agora mais duas rebeliões.

Há pouco se apresentou para presidir um dos maiores partidos do país, PSDB, organização que aspira novamente retornar a presidir o Brasil.

Em qualquer país civilizado, de verdade, ele cairia; por despreparo, por leviandade, por omissão, por falta de estatura para liderar até mesmo um convescote de colegiais.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s