Home

Temer e Aecio
Dilma Rousseff foi vítima de “golpe”, que golpe?

Golpe foi o que agora sofreu o senador cearense Tasso Jereissati, arquitetado pelo seu colega Aécio Neves.

Nem Lenin, há cem anos, foi tão rápido no gatilho, ao derrubar Kerenski, após a destituição de Nicolau II, quanto Aecinho, na calada da tarde, sem ouvir FHC, sem ouvir Alckmin, mas auscultando Temer, consolidando a aliança mútua de sobrevivência, parceiro, irmão, camarada, em ação tão fulminante e bem sucedida.

Por enquanto!

O PT, partido de amadores, que “se lambuzou no poder”, conforme confessou Jacques Wagner, deveria sim, humildemente, procurar Aécio, e reconhecer nele talento para derrubar presidentes.

Até convidá-lo, quem sabe, tudo na vida é possível, a uma parceria com o partido, claro que Lula como cabeça de chapa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s