Home

Kell

Voltaire

Um vizinho, advogado muito bem sucedido atuando numa banca formulando para os perseguidos da Lava/Jato colaborações premiadas, atleta, um pouco mais, quem sabe, de 50 anos, foi há dois anos abandonado pela mulher.

Hoje, nos encontramos no entorno da Lagoa, e ele fez a queixa; vem assediando, há mais de três meses, uma jovem mulher, sugerindo pelo menos um jantar, um concerto no Municipal, e ela faz ouvidos de mercador.

Ele me pergunta – logo, eu, o mais idiota dos conselheiros – se vale a pena continuar.

Não querendo opinar, lembro a lição de uma personagem machadiana; não existe mulher inalcançável, às vezes o que há é a falta de convicção e habilidade do pretendente.

Ele me pareceu derrotado, não deu a devida atenção, se é que gosta ou conhece Machado. Me pareceu desiludido, decidido a entregar os pontos, não voltar a insistir.

Não sabendo o que dizer, percebendo o seu desencanto, recordei Voltaire, certamente a melhor cabeça do século 18, o século das luzes. 

Voltaire, como iluminista, abasteceu os conteúdos da Revolução Francesa, com sua defesa da liberdade, e crítica feroz às monarquias, mas nunca esqueceu os encantos das mulheres.

Meu vizinho indagou o que tinha a ver sua história o autor de Cândido e o Otimismo, crítica perversa ao juízo feito pelos filósofos ao terremoto de Lisboa.

Lembrei ser essa a maior novela de todos os tempos, mas disso nenhum interesse revelou meu interlocutor.

Registrei que Voltaire lembrava um detalhe diante de tantas mulheres que o rejeitaram – seus olhos brilharam, finalmente –  ele que viveu mais de 80 anos, e ficou conhecido como um grande e irresistível sedutor.

– O meu consolo diante das que recusaram minhas juras de amor, é que se não morrerem cedo, jovens, envelhecerão.

Voltaire, hoje, seria um canalha intolerável, um porco chauvinista.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s