Home

Tiranossauros 11

Lula está saboreando – se é que não sabia por antecipação – as pesquisas do Datafolha sobre eleições presidenciais.

Ele e Bolsonaro são fotografados nadando de braçadas.

E, no entanto, pesquisa só é confiável às vésperas de votação.

Mesmo assim, não raro, há manipulação, claro.

Dependendo do acerto vale a pena arranhar a imagem do instituto, até porque tudo se dilui com o tempo.

Não fora assim, o IBOPE, e tantos outros, não mais existiriam.

Não estamos dizendo que façam trapaças, longe disso, pelo amor de Deus, mas que têm pisado nas cascas de manga, não há polêmica.

Ninguém faz pesquisa apenas para  servir e informar à opinião pública, não sejamos tão ingênuos.

E mesmo não havendo dolo, os institutos e suas pesquisas, os mais sofisticados, erram, e erram feio.

Vide a eleição de Trump.

Lula tem uma rejeição de 44%, já Bolsonaro, desconhecido por 40% da população, alcança os 30% de rejeição.

São dados do Datafolha.

No caso de Lula, com esses números, só se elege se for candidato único.

Há mais; ninguém hoje no país terá o PT como cabeça de chapa numa eleição majoritária.

Bolsonaro tem sim, aceitação, por óbvio, na classe média, já Lula não tem mais.

Seus nichos, de Lula, são os bolsões da periferia, e claro, a universidade pública, os intelectuais remanescentes da queda do Muro, a esquerda ainda festiva do eixo das grandes cidades, e naturalmente o pessoal do chopinho gelado do bar Joia.

Entre os quais eu me incluo.

O Datafolha já foi mais confiável.

Tem errado feio e sua linha editorial é cada vez mais saudosista dos bons tempos do lulopetismo.

Nada se faz hoje, no sambódromo da política, que não esteja associado à Cadeira presidencial.

Está valendo tudo, em busca desse assento.

Final da soma; há mais espuma que chope nessa caneca.

Ou; estão apostando em pólvora molhada.

Até porque os dois candidatos, pode-se imaginar, são remanescentes da passagem do Cretáceo para o Terciário, Era da extinção dos dinossauros.

Quem sabe os dois sejam memórias arqueológicas, ainda valiosas, do tempo dos tiranossauros.

 

Um pensamento em “Pesquisas, Datafolha e os tiranossauros

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s