Home

Briga no Senado

O senador Ataídes Oliveira (PSDB), fortão, carnívoro, certamente, tentou bater no senador Randolfe Rodrigues (REDE), miúdo, não se sabe se herbívoro, mas esgoelado, durante discussão, ontem, sobre a reforma trabalhista no plenário do Senado brasileiro.

“Bandido”, vociferou uma das partes, no que foi contraditado, aos berros, por “vagabundo”.

O contraditório é uma das essências dessa Casa.

Mesmo assim, por contido, Ataídes, cujo muque tem memória nas brigas de rua de sua adolescência, avançou mais ainda, diante de um Randolfe esgoelado;

– “te pego lá fora, seu moleque”.

Ah, este anátema, nos idos e vividos de qualquer moleque de rua, é inapagável, e jamais pode ser levado para o interior de suas casas, mesmo se tratando de um humilde barraco.

Por desconfiarem ser a REDE um puxadinho do PT, Lindbergh Farias, o ex-Lindinho, já não o é tanto, correu em socorro de Randolfe.

– Fiquei de segurança de Randolfe, porque ele é franzino, se jactava o combativo cruzado do anti-impeachment de Dilma, fazendo bonito entre seus pares, e mostrando, para o país ver e ouvir, a solidariedade petista, até fora de seus quadros partidários.

A dramaturgia grega nos legou o coro, com suas peças teatrais inesquecíveis.

E o coro ontem, no entorno, que nos resgata as brigas adolescentes de rua, muitas até graciosas, não era outro senão; “Fora Temer”, “Luladrão”, “Fora Jucá”.

E o baile, animado a sanfona, reco-reco e colher de pau, continua, diante de uma festiva, alegre, e animada plateia.

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s