Home

Putin 11

No Brasil a chapa está quente. Há um acirramento de tensões inimaginável há 5, 10 anos, mas é preciso repetir que fazemos parte de um mundo cada vez mais globalizado.

Há sinais de um tempo com temperatura altíssima.

Enquanto o Príncipe Charles causa constrangimentos comparando Putin a Hitler – Hilary Clinton já fez o mesmo – o líder russo se volta para a China, firma contratos e estreitas relações.

Busca mostrar não estar sozinho, e a Ásia sempre foi um porto mais seguro que a Europa.

Ao derretimento do poder americano, Putin avança, e a anexação da Crimeia não foi um gesto isolado. Ele volta os olhos para o Leste, Obama corre atrás dos países do Oeste. Durante 7 dias visitou Japão, Coréia do Sul, Malásia e até Filipinas.

Persegue alianças contra as ambições territoriais chinesas.

O mundo nunca viveu sem guerras, e a Europa, um pequeno pedaço dele, é um exemplo. Estamos diante dos 100 anos da 1ª Grande Guerra.

Na verdade foi uma só, já que a 2ª nada mais foi que a continuação da 1ª. Um estadista inglês ensinava que entre as nações é preciso escolher; ser martelo ou ser bigorna.

Na vida pessoal também, mas isso é outra história.

O Brasil nunca esteve tão unido, o que não é o caso hoje, como na 2ª fase do Golpe militar, a partir do AI-5, o Golpe dentro do Golpe.

Os ovos da serpente estão chocando, tanto interna, como externamente. E não adianta negar que vivemos tempos estranhos.

Nas violências de rua, greves, confrontos e vandalismos, assistimos a um tempo mais caótico do que àquele que antecedeu a derrubada de Jango.

Pior cego é o que não quer ver.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s