Home

Cabral e Sergio Cortes

A história é uma madrasta. Nem sempre imortaliza os melhores.

Sérgio Côrtes, ex-Secretário de Saúde de Sergio Cabral, terceira divisão na escalada do crime, emerge glorioso dos bolsões da corrupção, e alcança o Olimpo, imortalizado, com a frase definitiva.

Na iminência de sua prisão, recentemente, lembra a um parceiro empresário, tranquilizando-o, que serão presos, “mas nossas putaria têm que continuar”.

Nada melhor, nada mais exemplar e didático que esta frase que define, como ninguém, o que foram os anos dourados do Lulopetismo, os tempos graciosos do Governo popular.

Ah, que saudades do implacável Nelson Rodrigues.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s