Home

SAMSUNG CSC

Ontem, alguém, por generosidade, elogiou um de meus livros, uma dessas gororobas que imaginamos originais – ora, ora, por quem sois – talvez até por piedade.

Acordei, hoje, às 4hs, pensando sobre a vaidade humana, da qual sou vítima continuada e irreparável.

E terminei por resgatar Machado:

– Eu não sou homem que recuse elogios. Amo-os; eles fazem bem à alma e até ao corpo. As melhores digestões da minha vida são as dos jantares em que sou brindado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s