Home

 

Diabo 5

Não se brinca com fogo. Não por acaso a maior bancada no Congresso pertence ao agronegócio.

A Operação Carne Fraca pode ser o grande “mote” para a formação de uma parceria pontual entre corruptos de todas as agremiações partidárias – PT, PMDB, PP e naturalmente PSDB – que vinham até então se digladiando.

Ou se unem, ou perdem importância na Ópera do Diabo exibida no país.

Os reparos à operação criaram o ambiente que faltava para finalmente denunciar “os excessos” da Polícia Federal, dar limites aos jovens procuradores do MPF, e finalmente derreter, a médio prazo, a Lava-Jato.

O voto por lista, que beneficia os corruptos de todos os partidos, mantendo a clandestinidade de seus nomes, deve ser aprovado.

Bingo.

A palavra de ordem no Congresso, já agora de alguns titulares do STF, e de resto no todo do Governo, é impor limites ao MPF, baixar “os ímpetos e os impulsos inquisitórias” da PF, e “desmascarar Sergio Moro” e sua república.

A ópera do Diabo precisa sofrer reviravoltas, não pode entediar a distinta e nobre plateia.

Temos hoje na linha de frente Gilmar Mendes, já agora Nelson Jobim, ex-presidente do STF, o ex-advogado do PT, hoje ministro da Casa Suprema, Tofolli, a bancada do agronegócio, o Congresso praticamente em sua totalidade, Lula e seus seguidores, e finalmente a esquerda que tem sofrido duros golpes, golpes pecuniários, principalmente.

Só o ruído rouco das ruas pode viabilizar essa dura e sofrida caminhada em busca do país que reduza as desigualdades, os privilégios, enfim, Justiça para todos.

A Ópera do Diabo não pode ter um final feliz, piegas.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s