Home

lula-marisa

A Justiça Federal avaliou em R$ 1,594 milhão e determinou o sequestro da cobertura usada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista.

O imóvel 121 é alugado e ocupado por ele desde os tempos em que era presidente da República e é vizinho a um outro apartamento, este de propriedade de Lula. O sequestro é uma medida judicial que impede a venda do imóvel, mas não altera a posse.

Em relato por escrito, a oficial de Justiça e avaliadora Edilamar Dormas afirmou ter entrado em contato com a segurança do ex-presidente no dia 6 de fevereiro, quando foi informada que ele não poderia recebê-la, por estar de luto. Dona Marisa Letícia havia falecido três dias antes, no dia 3.

No mesmo dia, segundo a oficial, o advogado Roberto Teixeira entrou em contato e disse que Lula ocupa o apartamento desde 1 de fevereiro de 2011 e que o contrato estava em nome de dona Marisa Letícia.

Ele ficou de enviar cópia. Passados dois dias, diz a oficial, ela voltou a entrar em contato, e o advogado informou que não tinha cópia do documento. A ordem de sequestro, então, foi cumprida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s