Home

Riot police officers patrol outside a prison after clashes between rival criminal factions in Boa Vista

BRAZIL-PRISON-RIOT

E o Brasil prossegue nas páginas do mundo.

Após quatro dias, apenas, da matança no presídio Anísio Jobim, em Manaus, onde 60 presos foram eliminados a golpes de facão e a maioria teve suas cabeças decepadas, agora foi a hora e a vez de mais 33 mortes, na madrugada deste 6ª feira, na Penitenciária Agrícola Monte Cristo, em Boa Vista, capital de Roraima.

A matança de Anísio Jobim parece ter feito escola, ora, ora, como não, uma vez que a maioria das 33 vítimas teve suas cabeças degoladas, e seus corações arrancados.

Vale registrar, é o que dizem os estudiosos, e mesmo os carcereiros, que o troco, a vingança brutal do PCC pela ação nefasta da FDN, não vai demorar.

É apenas questão de tempo e oportunidade.

Vai ser difícil, agora, o nosso sereno presidente Michel Temer, alegar mais um “acidente pavoroso”, exceto queira corrigir o mestre Houaiss, ou mesmo o não menos mestre Aurélio Buarque de Hollanda.

Os presídios da Amazônia estão incendiando.

Será que não vale a pena apurar a PPP – parceria público/privada – nesses “acidentes pavorosos”?

2 pensamentos em “Mais 33 mortes em Roraima; ainda falta a vingança do PCC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s