Home

Já imaginaram uma cidade, a mais importante da Amazônia brasileira, cercada de águas e selva, tendo em seu entorno, mais de 100 foragidos, ninguém sabe com precisão, que escaparam da chacinha do Complexo Penitenciário Anisio Jobim, vivendo a ameaça de invasão de casas, barracos, residências humildes e condomínos?

Já imaginaram não poder mais sair à noite, continuam saindo, claro, mas deixando pais e familiares sob a possibilidade do imprevisível?

Já imaginaram as tropas de choque, caçando os fugitivos nas áreas verdes que circundam Manaus, e havendo a notícia de que, encontrados,  não estão sendo poupados?

Já imaginaram um conteiner com restos de pessoas esquartejadas, onde os peritos contam com a ajuda de familiares, sob sol intenso, tentando assim identificar os seus mortos?

Já imaginaram a cidade, que até hoje guarda uma memória viva do Brasil de ontem, do ciclo da borracha, da belle epoque, modelo que foi para o resto do país, vivendo dias de pânico?

Já imaginaram uma cidade que está desdobrindo ter sido o massacre apenas a ponta do iceberg, uma vez que o volume de escândalos, de corrupção, envolvendo a elite dominante e os marginais, está sim, na origem de todo esse processo?

Numa hora assim, fica difícil acreditar na falácia que Deus é brasileiro.

manaus_aerea_teatroamazonas-7295

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s