Home

lula-e-cabral

Agora quem revela é o Ministério Público do Suíça: para cada US$1 milhão pago em propinas a políticos, funcionários públicos brasileiros de estatais, a Odebrecht lucrava US$ 4 milhões, resultado dos contratos que lhe eram dados por aqueles que recebiam os pagamentos.

A investigação aponta que as contas secretas mantidas pela Odebrecht na Suíça financiaram de forma “regular” campanhas políticas, partidos ou políticos no Brasil, inclusive ministros.

As revelações fazem parte dos documentos do Ministério Público suíço que foram usados como base para multar a empresa brasileira.

De acordo com as investigações, pelo menos 66,5 milhões de francos suíços (cerca de R$ 210 milhões) foram pagos em propinas a ex-diretores de estatais e outros funcionários públicos no Brasil a partir das contas no país alpino.

A versão velhaca de que Lula sofre perseguição da Lava-Jato, perseguição essa que envolve PF, procuradores do MPF, Juízes de 1a Instância, numa conspiração pai-dégua, já se derreteu inteiramente.

Resta agora lançar a candidatura presidencial de Lula como se isso tivesse espaço fora do Instituto que leva o nome, e de seus seguidores apaixonados, muitos deles hoje já não mais aparelhados na máquina pública do país.

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s